Sábado, 15 de Março de 2008

Letra B

Biotecnologia – o termo Biotecnologia surgiu nos Estados Unidos, no início dos anos 70, para designar as tecnologias da biologia molecular, isto é, aquelas que permitem isolar um gene, modificá-lo in vitro (no laboratório e reintroduzi-lo em qualquer organismo). Pouco depois, também as tecnologias relacionadas com a biologia celular foram incluídas no conceito “biotecnologia”. A partir de então, muita gente, por confusão, considera como “biotecnologias” todas as tecnologias do ser vivo, antigas ou actuais.

Bloqueio sinusal (SA) - o marca-passo cardíaco pára temporariamente por um ou mais ciclos completos, mas retoma em seguida a sua actividade de estimulação.

 

Bloqueio de AV (nodal) - cria um retardo do impulso (atrial) ao nível do nódulo AV, produzindo uma pausa maior que é normal para estimulação dos ventrículos.

Batimentos de escape - ocorrem quando o marcapasso principal não consegue produzir estímulo durante um ou mais ciclos, surgindo no ECG uma área sem ondas. Pode ser um escape atrial, nodal ou ventricular.

 

Bloqueio de ramo - tem como causa o bloqueio de um dos ramos do feixe de His, seja o direito ou esquerdo. Assim, um ventrículo despolariza-se pouco depois do outros, fazendo com que dois QRS se juntem. Neste caso, o QRS é largo e observam-se duas ondas R (R e R’). Determina-se o lado bloqueado através das derivações V1 e V2 para o lado direito e V5 e V6 para o lado esquerdo.

Bradicardia sinusal - está presente quanto a frequência cardíaca está abaixo de 50 batimentos por minuto e o ritmo cardíaco é comandado pelo nódulo sinusal - estrutura que normalmente comanda o ritmo do coração.

Biomedicina - é a ciência que conduz estudos e pesquisas ligadas à medicina e biologia, voltada para a pesquisa das doenças humanas, seus factores ambientais e eco-epidemiológicos, com intuito de encontrar as suas causa, prevenção, diagnóstico e tratamento.

 

Biomecânica - A biomecânica é o estudo da mecânica dos organismos vivos. É parte da Biofísica. A Biomecânica externa estuda as forças físicas que agem sobre os corpos enquanto a biomecânica interna estuda a mecânica e os aspectos físicos e biofísicos das articulações, dos ossos e dos tecidos histológicos do corpo.

 

Bioengenharia -  consiste na aplicação de engenharia com a finalidade de adaptação de equipamentos e dispositivos eléctricos, electrónicos e mecânicos para organismos vivos. Este ramo da engenharia visa a criação de sistemas e equipamentos de estudo, manutenção e suporte à vida. Um bioengenheiro tanto pode actuar em hospitais, como em laboratórios de análises clínicas ou na indústria de equipamentos hospitalares. O bioengenheiro projecta e mantém funcional equipamentos e instrumentos para substituir ou complementar, temporária ou permanentemente, a função de um órgão, por exemplo: as próteses,  monitores diversos, equipamentos de hemodiálise. São estes os responsáveis pelo desenvolvimento de equipamentos para exames e diagnóstico por imagem como ressonância magnética, mamógrafos, desfibriladores,etc. Os bioengenheiros também desenvolvem técnicas e equipamentos para a manipulação ou pesquisa genética, porém não é este que faz a manipulação genética, nem exames clínicos.

Bioinformática - A bioinformática (ou biocomputação) é a combinação dos conhecimentos químicos, físicos, biológicos, da engenharia genética e da ciência da computação. Ela consiste na utilização dos meios computacionais para analisar as moléculas (principalmente de DNA), combinando com modelos matemáticos e utilizando também a estatística para interpretar e analisar os problemas biológicos em questão.

 

publicado por bioengenhariaestgp às 23:44
link do post | comentar | favorito

.o nosso curso

.pesquisar

 

.Março 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Bioengenharia na ESTG de ...

. Introdução sobre a Bioeng...

. A História da Bioengenhar...

. Glossário de Termos relac...

.Arquivo

. Março 2008

.Glossário

. Glossário de Termos relac...

. Letra A

. Letra B

. Letra C

. Letra D

. Letra E

. Letra F

. Letra G

. Letra H

. Letra I

blogs SAPO

.subscrever feeds